O lugar ideal para onde fugir do estresse urbano e sossegar! A paradisíaca Vila de Santo Antônio, no Litoral Norte baiano, há exatos 8 km da conhecida praia de Imbassaí, banhada pelo azul das águas do Oceano Atlântico e cercado por exuberantes coqueirais, assegura ao visitante uma pausa na estafante rotina dos grandes centros urbanos e deixa um gostinho de não mais querer sair de lá.

DSC_3717

O lugarejo se esconde em sua própria característica bucólica e é uma excelente opção nas férias, sobretudo para os amantes do ecoturismo. Chegar à Vila de Santo Antônio, que compõe um dos destinos da Costa dos Coqueiros, reserva inusitadas aventuras.

vila st antonio 3

Os turistas e visitantes têm duas formas de chegar ao local, de carro. Uma delas é deixar o veículo em Diogo – uma espécie de ‘distrito-sede’ da Vila, pertencente ao município de Mata de São João (o mesmo o qual abriga a badalada Praia do Forte) -, e seguir a pé, via um alvo areal, por cerca de 20 minutos.

DSC_3713

A outra, e não menos insólita forma de apreciar as benesses da Vila do ‘santo casamenteiro’, é seguir por uma estrada de areia e cascas de coco seco. Isso mesmo! Cascas de coco. A engenhoca foi idealizada pelos moradores desta vila de pescadores, para facilitar o acesso dos turistas. O artesanal percurso é feito em 10 minutos, após deixar a Linha Verde (BA 099) – primeira rodovia ecológica do país.

vila st antonio

“Saindo da entrada de Diogo, pela Linha Verde, você tem que prestar muita atenção. Após a ponte, há uma placa, à direita, em uma árvore, indicando a entrada para a Vila de Santo Antônio”, orienta um esperto menino, que brincava com amigos na ‘sede’ do lugar. Não tem erro. É só seguir esta pista e o aventureiro logo estará dirigindo sobre a estrada de areia e coco seco.

DSC_3696

A atividade comercial do lugar é também fomentada por barracas de praia, restaurantes-pousadas e pela venda de artesanato, produzido por artesãs locais. Os visitantes, geralmente, escolhem mais o local para descansar.

vila st antonio 2

Diogo e Vila de Santo Antônio não possuem ampla infra-estrutura turística, mas segurança, hospitalidade e belezas naturais singulares são os predicados que fazem do lugar, segundo seus frequentadores, um ponto de parada obrigatório para quem veraneia pelas bandas do Litoral Norte da Bahia.

Fotos: Cadu Freitas/BnL

Comentários

Comentários