Caros leitores, perdoem-me a ausência. Carnaval me tomou a vida! Mentira! Estive entrelaçada entre trabalhos e outras preocupações e sem inspiração pra escrever, confesso. Mas a partir de agora continuaremos juntos e firmes!

Hoje eu escolhi falar um pouco sobre um tema muito especial: minha terra. Com puxa-saquismos sim e com muito carinho, falarei de um lugar mágico e que tem se tornado cada dia mais interessante para vocês conhecerem: Madre de Deus.

A cidade tem demonstrado sua forte vocação turística. | Foto: Igor Thomas

A cidade tem demonstrado sua forte vocação turística. | Foto: Igor Thomas

Nossa cidade é uma ilha, situada a 30 minutos da cidade de Candeias e a aproximadamente 63 km de Salvador. Foi emancipada em 1989, ano de meu nascimento. Tem, portanto, 25 anos a pequena Madre de Deus, com cerca de 21 mil habitantes atualmente.

E por qual motivo falar de Madre de Deus hoje com tantos assuntos interessantes ocorrendo. Porque sim! Escolhi falar deste lugar, pois vejo a cada dia o seu potencial turístico sendo explorado e bem cuidado e é desejável também por mim, nativa da ilha, que mais pessoas visitem e se encantem com este pequenino paraíso pertencente a Bahia.

O município de Madre de Deus possui muitas belezas naturais, mas as praias, o acesso as ilhas, a programação cultural, a segurança e a comodidade que oferecem ao morador são características que ganham destaque.

Recentemente, a Prefeitura Municipal, na pessoa do jovem prefeito de 33 anos, Jeferson Andrade, inaugurou um dos mais avançados sistemas de segurança pública do país. A Unidade de Gestão Integrada inaugurada no ano passado (2014) conta com 79 câmeras instaladas em toda a cidade, permitindo que os cinco quilômetros quadrados de área urbana sejam monitorados 24 horas por dia, por representantes da Polícia Militar, do órgão de trânsito e de outros serviços públicos. É a cidade com maior cobertura por videomonitoramento do país.

Os atrativos são diversos nesta pequena cidade. | Foto: Igor Thomas

Os atrativos são diversos nesta pequena cidade. | Foto: Igor Thomas

Além de conferir mais segurança ao cidadão por flagrar situações ilegais, as câmeras têm o papel de monitorar o bom funcionamento dos serviços públicos. É também um forte aliado da Polícia, pois auxilia no registro de ocorrências diversas e na redução de crimes violentos e homicídios.

Madre de Deus possui, entre tantos atrativos, uma forte programação cultural. Destaque para os eventos de final de ano, que começam na cidade com a festa de Natal. Destaque para o Madre Verão, com cerca de 15 anos de existência e já considerado o maior festival de música do interior da Bahia.

Fora da alta estação, Madre de Deus também não fica parada, tem festa no São João com o tradicional Forró da Comadre, concurso de quadrilhas juninas, concursos de fanfarras e bandas, grupos culturais tradicionais que apresentam durante o ano inteiro nos espaços públicos, acompanhamentos marítimos, entre outros tantos eventos marcantes.

O lugar é um paraíso para quem busca sossego... | Foto: Igor Thomas

O lugar é um paraíso para quem busca sossego… | Foto: Igor Thomas

Vale ressaltar também a importância da comunidade religiosa na programação cultural da cidade. Estes grupos produzem eventos importantes para o calendário municipal, como o acompanhamento de Monte Serrat e procissão de Nossa Senhora Madre de Deus, padroeira da cidade.

Enfim, são muitos os motivos para você vir conhecer esse lugar lindo e cada dia mais bem cuidado que é Madre de Deus. Segue aqui algumas dicas pra você aproveitar quando quiser vir passear por essas bandas…

Apreciar o pôr do sol no Alto da Matriz…

O majestoso pôr do sol de Madre de Deus. | Foto: Igor Thomas

O majestoso pôr do sol de Madre de Deus. | Foto: Igor Thomas

Relaxar nas praias da Costa, Praia do Bonfim e Praia do Suape…

Fazer um agradável passeio pelas ilhas próximas (pertencentes a Baía de Todos os Santos), a exemplo de Maria Guarda, Bom Jesus, Ponta do Navio, Ilha dos Frades, Loreto, Ponta de Nossa Senhora, Coroa do Capeta, Ilha das Vacas, entre outras.

Foto: Igor Thomas

Foto: Igor Thomas

Praticar o Mergulho…

Praticar stand up paddle e Kitesurf nas ondas calmas da Praia da Costa…

Foto: Igor Thomas

Foto: Igor Thomas

Passear de Jet-ski…

Fazer caminhada matinal nas praias ou Orla Marítima…

Foto: Igor Thomas

Foto: Igor Thomas

Conhecer o artesanato local da região em exposição no Terminal Marítimo de Madre de Deus

Não deixe de conhecer:

– Igreja Matriz

– Igreja de São Pedro – Cação

– Ilha de Maria Guarda

– Artesanato

Foto: Igor Thomas

Foto: Igor Thomas

O artesanato da região é rico em trabalhos em madeira, conchas de moluscos, tapeçarias e miniaturas de barcos típicos.

– Gastronomia

A culinária típica, baseada em moquecas de siri-mole, camarão, lagosta, sambá e peguari (molusco) e caldo de sururu, é um convite à boa degustação e um presente ao paladar.

DICA!
Experimentar o exótico Peguari. O molusco pode ser servido como salada ou moqueca.

Foto: Igor Thomas

Foto: Igor Thomas

Manifestações culturais

Festa de Reis, Queima de Palhinhas, Toma Sopa, Santa Mazorra, acompanhamentos marítimos, procissões religiosas, etc.

Como chegar: O município pertence à Região Metropolitana, fica a 60 km da capital baiana e tem como principal acesso a BR 324 e pelo mar da Baía de Todos os Santos até o Terminal Marítimo da cidade.

Conheça Madre de Deus, o melhor pedacinho da Bahia… E depois me conte o que achou!

 

Com informações da Secretaria de Cultura e Turismo – Diretoria de Turismo | Letícia Goncalves ou Fernanda Souza:  71 3604-4315

Fotos: Igor Thomas

Comentários

Comentários