Ruy Espinheira Filho, Maíra Azevedo (Tia Má), Maria Valéria Rezende, Minna Salami, Paulina Chiziane e Julia Tolezano são algumas das personalidades que participaram da segunda edição do projeto Memórias de Leituras. Estes e outros depoimentos fazem parte da segunda edição do projeto Memórias de Leitura.

Idealizado pela Diretoria do Livro e da Leitura (DLL), unidade coordenada pela Fundação Pedro Calmon/SecultBa, o projeto apresenta depoimentos de diferentes personagens como, estudantes, professores, jornalistas e escritores – que retrataram suas primeiras memórias de leitura e como essa prática impactou nas suas vidas.

Ruy Espinheira. | Foto: Divulgação

“A leitura é a coisa mais importante para uma pessoa, pois a deixa mais sensível, mais culta, mais enriquecida. Ler e escrever são a minha vida”, relata o premiado escritor Ruy Espinheira que durante a gravação fez questão de explanar isso.

Para a jornalista e influenciadora digital, Maíra Azevedo, é uma honra servir de inspiração para as pessoas e projetos que incentivam a leitura. “É a partir da leitura que você adquire conhecimento, amplia o vocabulário, além de provocar a curiosidade das pessoas que querem saber o que você ler. Sinto-me honrada de ter participado, principalmente, se conseguir atingir o objetivo”, ressalta Maíra, mais conhecida Tia Má.

Tia Má. | Foto: Divulgação

A jornalista destaca que a leitura é a responsável pela escolha da sua profissão.

“A leitura tem relação direta com a minha infância, porque estava sempre nas Bibliotecas e aproveitava o momento para ler e escrever e, isso impactou na escolha da profissão que escolhi que foi a de jornalista”, conta Maíra.

Este é o segundo ano do projeto Memórias de Leitura e 16 vídeos compuseram a primeira edição, lançada em abril de 2017. Nesta segunda, serão veiculados 40 produtos, porém, apenas 20 serão publicados agora e o restante será apresentado em Outubro. Atualmente, a TVE está reexibindo o episódio da primeira edição e a partir do dia 03, também veicularão todos os 20 primeiros da segunda. Quem tiver interesse em conhecer todos os programas, poderá conferir no canal da Fundação Pedro Calmon.

Diretoria – Vinculada à Fundação Pedro Calmon/SecultBA, a Diretoria do Livro e Leitura (DLL) é responsável pela execução e implementação das políticas públicas de fomento ao livro e estímulo à leitura. Está em seus objetivos incentivar a prática da leitura, promovendo eventos do setor, como leituras públicas com autores, oficinas de leitura, seminários, feiras, palestras e conferências sobre obras, autores e tópicos importantes da Literatura.

Personalidades falam das suas Memórias de Leitura. | Foto: Divulgação

Também compete à DLL a promoção do livro, fomentando a produção editorial, elaborando prêmios literários e editais que proporcionem às editoras o acesso a recursos públicos que permitam às mesmas aumentar e diversificar a produção de livros no Estado, dentre outras ações que integram os objetivos do Plano Estadual do Livro e Leitura (PELL).

Comentários

Comentários