‘O sertão vai virar mar, é o mar virando lama, gosto amargo do Rio Doce, de regência Mariana”… É de arrepiar! Foi o casamento mais perfeito da relação lamento, denúncia do maior crime ambiental no Brasil e arte. Além disso, tem a marca da solidariedade: “Cada visualização deste clipe se transforma em uma doação para um fundo de assistência as famílias ribeirinhas com a finalidade de promover obras sociais comunitárias”.

A música ‘Cacimba de Magoa’, de autoria de Tato e Gabriel o Pensador, associada ao clipe da banda Falamansa e o rapper Gabriel O Pensador escancaram, de forma brilhante e emocionante, a tragédia ocorrida em Minas Gerais, com o rompimento da barragem da mineradora Samarco.

A adjetivação é inevitável. O vídeo, que tem a participação de muitos artistas, é dirigido pela alemã Ilka Westermeyer e sensibiliza quem o assiste. A produção foi uma parceria com os institutos Ultimos Refugios e O Canal.  

Vale a pena conferir:

Comentários

Comentários